Follow by Email

quarta-feira, 13 de abril de 2011

VELHA ESTRADINHA RIO DO PEIXE


Vinha eu pela velha estrada rio do peixe, uma estradinha que corta montanhas e serpenteia pelos morros verdes de Igaratá, que liga a cidadezinha de Igaratá ao bairro parque alpina, eu que ia em direção a cidade, quando vi na estrada umas flores amarelas a beira do barranco.
       Parei o carro para apanhar algumas dessas flores,ao abrir a porta do carro, já senti o ar bem diferente, desci do carro, e ai sim pude sentir o ar maravilhoso com cheiro de mato e com o perfume de mel que vinha das flores.
        Um cheiro tão leve ,tão puro, tão suave que me deixou tonta
          Ouvi então um barulho que parecia vir de uma pequena cascata, ainda inebriada pelo perfume que estava no ar, andei em direção ao barulhinho gostoso de agua descendo pelas pedras, mas ,ao dar alguns passos ouvi latido de cães, e ai parei..
         Com muita pena retornei ao carro onde tomei novamente a estrada que corta morros e colinas verdejantes, passarinhos amarelos,branquinhos negros ,azuis e muito mais que circulam pra lá e pra cá fazendo suas cantorias.
         Troxe comigoum bouquet das flores amarelas cheirando à mel, tentando reter comigo aquele perfume da estradinha.
       Um perfume que se pensarmos bem, diremos com certeza.......
                                  DEVE SER ASSIM O PERFUME DE DEUS





                                                             elizabeth rodrigues 

Nenhum comentário:

Postar um comentário