Follow by Email

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

VIAGEM

Oh tristeza, me desculpe / Tou de malas prontas
Hoje a poesia veio ao meu encontro
Já raiou o dia, . . . vamos viajar
Vamos indo de carona / Na garupa leve
Do tempo macio / Que vem caminhando
Desde muito longe / Lá do fim do mar
Vamos visitar a estrela / Da manhã raiada
Que pensei perdida / Pela madrugada
Mas vai escondida, . . . querendo brincar
Senta nessa nuvem clara / Minha poesia
Anda se prepara / Traz uma cantiga
Vamos espalhando música no ar
Olha, quantas aves brancas / Minha poesia
Dançam nossa valsa / Pelo céu que um dia
Fez todo bordado de raios de sol
Oh poesia me ajude / Vou colher avencas
Lírios, rosas, dálias / Pelos campos verdes
Que você batiza de jardins do céu
Mas, pode ficar tranquila / Minha poesia
Pois nós voltaremos / Numa estrela guia
Num clarão de lua . . . .quando serenar
Ou talvez até, quem sabe / Nós só voltaremos
No cavalo baio, no alazão da noite
Cujo nome é Raio, Raio de Luar



MUSICA DE JOÃO DE AQUINO e PAULO CESAR PINHEIRO

TRISTEZA



NÃO SEI O QUE É
SÓ SEI QUE ME APERTA
APERTA...
APERTA O PEITO
E UMA TRISTEZA VEM
VEM LÁ DO FUNDO DO PEITO
E EXPLODE NA BOCA
COM UM GOSTO AMARGO...
UM GOSTO DE DÔR...
DE ABANDONO...
DE DESAMOR

NÃO SEI O QUE É
NÃO SEI ONDE COMEÇA
NÃO SEI O PORQUE
SÓ SEI QUE SINTO
ESSE AMARGOR
ESSA VONTADE DE CHORAR
ESSA VONTADE DE SUMIR
DE VIRAR FUMAÇA
E ....
DESAPARECER
NESSE MUNDO LINDO
VOAR COMO BORBOLETA
OU COMO A ANDORINHA
MAS....
              SEMPRE    VOAR.



   elizabeth rodrigues

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

VINICIUS DE MORAES

Pela luz dos olhos teus

Quando a luz dos olhos meus
E a luz dos olhos teus
Resolvem se encontrar
Ai que bom que isso é meu Deus
Que frio que me dá o encontro desse olhar
Mas se a luz dos olhos teus
Resiste aos olhos meus só p'ra me provocar
Meu amor, juro por Deus me sinto incendiar
Meu amor, juro por Deus
Que a luz dos olhos meus já não pode esperar
Quero a luz dos olhos meus
Na luz dos olhos teus sem mais lará-lará
Pela luz dos olhos teus
Eu acho meu amor que só se pode achar
Que a luz dos olhos meus precisa se casar.
Vinícius de Moraes

William Shakespeare

Depois de algum tempo, você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança. E começa a aprender que beijos não são contratos e presentes não são promessas. E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo. E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam... E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la, por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que se levam anos para se construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante das quais se arrependerá pelo resto da vida. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher. Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que os amigos mudam, percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos. Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos. Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser. Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto. Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo, mas se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve. Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências. Aprende que paciência requer muita prática. Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou. Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha. Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama, contudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.
Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo. Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado. Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás.

Portanto... plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!"
William Shakespeare

domingo, 22 de janeiro de 2012

MENESTREL...WILLIAM SHAKESPEARE


DEPOIS DE ALGUM TEMPO,VOÇE APRENDE A DIFERENÇA, A SUTIL DIFERENÇA ENTRE DAR A MÃO E ACORRENTAR UMA ALMA . E VOÇE APRENDE QUE AMAR NÃO SIGNIFICA APOIAR SE. E QUE COMPANHIA NEM SEMPRE  SIGNIFICA SEGURANÇA. COMEÇA A APRENDER QUE BEIJOS NÃO SÃO CONTRATOS , E QUE PRESENTES NÃO SÃO PROMESSAS. COMEÇA A ACEITAR SUAS DERROTAS COM A CABEÇA ERGUIDA E OLHA ADIANTE COM A GRAÇA DE UM ADULTO E  NÃO COM A TRISTEZA DE UMA CRIANÇA. APRENDE A CONSTRUIR TODAS AS SUAS ESTRADAS NO HOJE , PORQUE O TERRENO DO AMANHÃ É INCERTO DEMAIS PARA OS PLANOS, E O FUTURO TEM O COSTUME DE CAIR EM MEIO DO VÃO.



    (elizabethrodrigues)

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

DIZEMOS AMAR



PORQUE FAZEMOS SOFRER
AS PESSOAS QUE DIZEMOS AMAR....
PORQUE FERIMOS SEMPRE
AS PESSOAS QUE JURAMOS AMAR....
FAZEMOS ISSO TODO O TEMPO
QUE VIVEMOS JUNTO COM ESSA PESSOA
FERINDO SEMPRE COM PALAVRAS,
PALAVRAS...E MAIS PALAVRAS MESQUINHAS
E TAMBÉM COM GESTOS...COM PICUINHAS...
NÃO LEVAMOS NADA EM CONSIDERAÇÃO
NÃO CALAMOS...NUNCA!
E NUNCA DEIXAMOS PRA LÁ


SE UM BELO DIA
ESSA PESSOA QUE DIZEMOS AMAR
SE VAI...........
FICAMOS SÓ
E AI??????!!!!!!
TEMOS TUDO PRA SERMOS FELIZES
E PORQUE NÃO SOMOS???
FICAMOS LEMBRANDO DA PESSOA...E AI!!!...
SOFREMOS...
CHORAMOS  E
SENTIMOS MUITO
MAS.....
DE QUE ADIANTA AGORA?



    elizabeth rodrigues

sábado, 14 de janeiro de 2012

HÁ...A VIDA


     HÁ!    A VIDA
    NOS EMPRESTA  TUDO....
TUDO TEM SEU PRAZO DE VALIDADE
NESTE MUNDO DE MEU DEUS...
SIMPLESMENTE  "TUDO"
E NÓS SERES HUMANOS
NÃO APRENDEMOS NUNCA
A VIVER E RESPEITAR
ESSE PRAZO DE VALIDADE
QUE A VIDA NOS DÁ
VIVEMOS ACHANDO QUE ...
TUDO QUE TEMOS OU SOMOS
É PARA SEMPRE
MAS..."PARA SEMPRE"
SIMPLESMENTE
NÃO EXISTE.




elizabeth rodrigues